skip to Main Content

Jean Wyllys em Coimbra e Lisboa

Jean Wyllys Em Coimbra E Lisboa


«Discursos  de ódio e fake news da extrema direita e seus impactos nos modos de vida de minorias sexuais, étnicas e religiosas – o caso do Brasil»
26 de fevereiro de 2019, 16h00, Auditório, Faculdade de Economia da Universidade de Coimbra


Apresentação e comentários:  Ana Cristina SantosBoaventura de Sousa Santos e Bruno Sena Martins (CES)


Organização: Programa de Doutoramento «Human Rights In Contemporary Societies», Projeto de Investigação «INTIMATE | Cidadania, Cuidado e Escolha: A Micropolítica da Intimidade na Europa do Sul» e Fundação José Saramago


____________________________



«Porque se exilar do Brasil hoje?»
27 de fevereiro de 2019, 17h30, Casa do Alentejo (Lisboa)


Apresentação e comentários: Ana Cristina SantosBoaventura de Sousa Santos e Bruno Sena Martins (CES) e Pilar Del Río (FJS)


Organização: Programa de Doutoramento «Human Rights In Contemporary Societies» (CES/UC), Fundação José Saramago e Colectivo Andorinha – Frente Democrática Brasileira de Lisboa

Nota biográfica


Jean Wyllys (Ex-Deputado do PSOL e ativista LGBT)


Possui Mestrado em Letras e Linguística e graduação em Comunicação Social, com Habilitação em Jornalismo, pela Universidade Federal da Bahia (2000).

Deputado federal em dois mandatos, renunciou a um terceiro para o qual foi reeleito (2019-2022), devido ao número crescente de ameaças de morte que recebeu desde a eleição do presidente Jair Bolsonaro. Não chegou a tomar o posse, optando por deixar o Brasil, vivendo atualmente fora do país.

Foi jornalista, colunista, apresentador de TV e professor no programa de pós-graduação em Infeção HIV/Aids e Hepatites Virais da UNIRIO, além de professor da Universidade Veiga de Almeida-RJ e na Escola Superior de Propaganda e Marketing-RJ. Tem experiência na área de Letras, com ênfase em Documentos da Memória Cultural, possuindo quatro livros publicados, e tem uma história de envolvimento com trabalhos em favor da justiça social, de uma educação para a cidadania e para a valorização da vida, e em favor das liberdades civis.

Possui vasta produção legislativa no reconhecimento da cidadania das minorias discriminadas, no reconhecimento dos direitos dos e das profissionais do sexo e de uma nova política de drogas, sendo autor de projetos como a regulamentação da maconha no Brasil, casamento igualitário e identidade de gênero.

Foi Vice-Presidente da Comissão Parlamentar de Inquérito que investigou a exploração sexual de crianças e adolescentes, e esteve na liderança da Comissão Externa de parlamentares que acompanha as investigações da execução da vereadora Marielle Franco.

Fonte: Jean Wyllys em Coimbra e Lisboa

This Post Has 2 Comments
    1. Obrigado pelo seu comentário.
      Agora um esclarecimento, o Humanidades Digitais faz agregação de conteúdo e divulga-o. Não somos portanto os responsáveis destes eventos/iniciativas. Quanto ao que coloca, acho pertinente, reparei que é estudante, porque não leva para a frente uma iniciativa do género na sua Faculdade?

Deixar uma resposta

Back To Top