skip to Main Content

Arquitetura Portuguesa? Debate e Tributo a Manuel Graça Dias

Arquitetura Portuguesa? Debate E Tributo A Manuel Graça Dias

Enquadramento


A exposição “Físicas do Património Português. Arquitetura e Memória” visa celebrar bons exemplos de reabilitação em património arquitetónico, refletir sobre a história da intervenção patrimonial, cruzar o tema com debates contemporâneos. 


A 16 de Maio, às 18h00, terá lugar a terceira mesa-redonda do programa paralelo da exposição, centrada na discussão da “arquitetura portuguesa” como fenómeno que tem ganho crescente relevância cultural, científica e política, e com isso gerando controvérsia, prestando um tributo a Manuel Graça Dias, cuja última obra, o Teatro LU.CA, assinada com Egas José Vieira, está patente na exposição. 


A coorganização do evento é do Centro de Estudos Sociais no âmbito do projeto de investigação (EU)ROPA – Rise of Portuguese Architecture, POCI-01-0145-FEDER-030492, cofinanciado pela FCT e FEDER. 

Programa

Exposição “Físicas do Património Português. Arquitetura e Memória”


16H Visita Guiada por Jorge Figueira e Carlos Machado e Moura

18H Mesa Redonda “Arquitetura Portuguesa? Debate e Tributo a Manuel Graça Dias”

Oradores: Alexandra Areia, Alexandre Alves Costa, Ana Tostões, Bruno Gil, Egas José Vieira, Inês Lobo, José António Bandeirinha | Moderação: Jorge Figueira

Fonte: Arquitetura Portuguesa? Debate e Tributo a Manuel Graça Dias

Deixar uma resposta

Back To Top